[Resenha] Só Pode Ser Brincadeira Sr. Feynman- Richard P. Feynman @intrínseca


Sinopse:Excêntrico e espirituoso, o ganhador do prêmio Nobel Richard Feynman conta os casos mais engraçados e extraordinários de sua vida. Sua personalidade fora dos padrões aliada a sua capacidade de aprender habilidades variadas – que vão de música e pintura até engenharia e biologia – o fez entender e explicar o mundo de forma inusitada aos seus leitores. Entre as muitas histórias curiosas reunidas nesta edição com introdução assinada por Bill Gates, destacam-se os episódios em que ele conheceu Einstein, arrombou cofres do programa nuclear, deu aulas e desfrutou do Carnaval no Brasil. Narrador inteligente e bem-humorado, Feynman mostra por que é um dos intelectuais mais adorados de sua geração e até hoje fascina todos dentro e fora da área acadêmica.
Recentemente descobri que gosto de física, na escola eu sempre gostei muito de química, biologia e claro língua portuguesa, eu sei que não existe conexão mais eu adorava essas matérias, porém física estava entre as que eu menos apreciava estudar, depois de longos anos eu descobri que gosto e digo mais gosto das descobertas físicas, o que me atraí é o conhecimento, as novidades, a singularidade dessa área, não os cálculos e teorias chatas que costumamos ver por ai.


Também descobri que tenho uma série favorita, The Big Bang Theory, eu sei muitos irão dizer nossa que conteúdo chato, blá blá blá, mais estou contando tudo isso a vocês porque foi por essas recentes descobertas que decidi ler este livro, foi através da série que escutei o nome desse físico renomado pela primeira vez,  a resenha de hoje é diferente de tudo que já postei aqui,é sobre uma leitura tão singular, e que de certa forma pode contribuir para um determinado público sem dúvida, espero que gostem!


Richard P. Feynman nos conta algumas das histórias mais marcantes de sua vida em uma reunião de textos que eu chamaria de memórias do autor, uma autobiografia é algo um tanto comum para esse livro, a leitura nos transporta para sua vida, suas conquistas, realizações da infância até a fase adulta e foi um imenso prazer conhecer este nome Feynman.


"As excêntricas aventuras de um físico"
Feynman foi um físico que contribuiu muito para física, ganhou o Nobel, foi professor, se formou com honra e durante sua graduação ficou conhecido pelos artigos que escreveu, ele que deu inicio a diversas descobertas que hoje utilizamos sem sabermos nem de onde vieram. Um ser humano extraordinário dotado de um humor maravilhoso e notamos isso através de seus relatos durante a leitura. Sua principal contribuição para a sociedade foi Eletrodinâmica Quântica. Sim meu caro ele trabalhou com física quântica, se você sabe o que isso significa então pode entender um pouco do meu entusiasmo a respeito dessa questão.


Durante os longos anos de sua cerreira este homem escreveu diversos livros "Só pode ser brincadeira Sr. Feynman" publicado pela editora intrínseca é uma dessas obras. Como mencionei no inicio deste post o livro apresenta uma abordagem que tem a intenção de fazer com que o leitor conheça um pouco de Richard e de sua vida.

Na infância teve uma passagem curiosa e foi bem no inicio de tudo em que ele estava se descobrindo, existia certas transmissões de rádio que ele e sua família costumavam ouvir sempre no mesmo horário, muito perspicaz e independente Richard deu um jeito para que seu rádio pudesse transmitir antes, conforme se informava sobre os assuntos da época ele chegava até onde sua família estava reunida e lhes constava com antecedência o que iria acontecer, aquilo gerou certa desconfiança até que descobriram seu segredinho e claro logo todos estavam antecipadamente ao redor de seu rádio para ouvir as notícias e programas antes do horário tradicional.


Esse relato de sua infância foi como uma iniciação no mundo da física, é claro que ele já tinha feito outras experiências antes mais para o leitor essa história se torna um pontapé em seu livro. Ao longo da leitura o autor/físico narra de maneira fluída e divertida em muitos momentos todas suas fases e passamos então a entender melhor seu universo.

A obra foi escrita de uma forma leve, mesmo quando o autor relata passagens difíceis de sua vida, e como foi intenso lidar com elas é possível ver a sutileza das palavras usadas por ele, o que torna o livro muito mais dinâmico do que imaginamos.


Foi uma experiência maravilhosa ler o livro, a introdução da obra foi feita por ninguém menos que Bill Gates com um relato convidativo ao leitor, uma verdadeira aventura conhecer a fundo a vida de Richard P Feynman, espero muito mesmo ter a oportunidade de ler as outras obras publicadas por ele.


Richard Feynman foi um físico norte-americano que deu contribuições importantes para a Física quântica no século XX, tanto que em 1965 ganhou o prêmio Nobel de Física graças ao seu trabalho sobre Eletrodinâmica Quântica. Feynman nasceu em Nova Iorque, no dia 11 de maio de 1918


Título Original: Surely You're Joking, Mr. Feynman Páginas: 400 Editora: Intrínseca Gênero: Biografia-Memórias Minhas Avaliação: 5/5 Comprar: Amazon


Ps: Os links deste post são afiliados da Amazon, comprando por eles vocês contribuem com meu trabalho, pois ganho um pequena comissão e isso não interfere no valor da compra de vocês! :)

Comentários

  1. Oi, que interessante saber da existência desse livro. Deve ser muito legal poder conferir essas história do autor. Sempre tive um pouco de dificuldade em física, apesar de também me interessar pela questão do conhecimento. Com certeza é uma leitura que quero fazer.

    ResponderExcluir
  2. Olá, tudo bem? Confesso que não sou muito instigada a ler biografias, mas assim como você fiquei curiosa pela história dele. Realmente física não era para mim na época de escola, mesmo associando ao lado das descobertas, no entanto isso tem mais a ver com traumas ligados à provas e professores não muito legais. Gostei da sua resenha e do fato de você se aventurar
    Beijos,
    http://diariasleituras.blogspot.com

    ResponderExcluir
  3. Eu amo física e me arrependo de não ter seguido essa área, viu?
    Me divertia com a matéria na escola e tirava notas boas e até hoje eu gosto de ler artigos relacionados. E eu tb AMO TBBT e ainda não assisti a última temporada pq não quero me despedir dos personagens haiuhaiuhaiuhauihauihaiuhauih

    Adorei sua resenha, me interessei pela leitura e adicionei na minha lista de desejados.

    Sai da Minha Lente

    ResponderExcluir
  4. Uau, ainda não conhecia a obra mas adorei a premissa.
    Gosto muito de física e química também, então acredito que iria gostar da leitura.
    Gostei da resenha e já estou correndo para anotar a dica. Espero poder ler em breve e me encantar assim como você. ❤️

    ResponderExcluir
  5. Eu não sou a pessoa que adora biografias e também nunca fui fã de física, na verdade sempre passo longe de tudo que for de exatas ou biológicas mkkk mas eu acho interessante ler esse tipo de livro, sempre me agrega bastante, os do Hawking foram um exemplo disso. Adorei a dica, quem sabe eu embarque nessa também! Amei ruas fotos!

    ResponderExcluir
  6. Olá, tudo bem? Os assuntos de física, tirando os cálculos chatos, são mesmo bem interessantes, hahaha. Ainda não conhecia esse livro, mas parece ser bem bacana e interessante. Adorei a resenha!

    Beijos,
    Duas Livreiras

    ResponderExcluir
  7. Eu também amo demais The Big Bang Theory! Achei as suas fotos lindas e gostei bastante de ver a sua resenha sobre esse livro, não sei se eu leria, mas fiquei curiosa com ele.

    ResponderExcluir
  8. Oi, tudo bem?
    Preciso confessar que eu detesto física e nunca me interessei pelo assunto, nem na escola e muito menos fora dela. Talvez por isso, eu não tenho a menor paciência com a série The Big Theory (não me odeie hahaha). Então, essa é uma leitura que, para mim, está fora de cogitação. Não curto livros de não ficção e esse o assunto não me interessa nem um pouco. Aliás, até o seu post, eu nunca tinha ouvido falar sobre esse físico.
    De qualquer forma, fico feliz que tenha gostado da leitura. Para quem se interessa pelo assunto, deve ser uma ótima leitura.
    Beijos!

    ResponderExcluir
  9. Oi Michelle, como está?
    Eu sou outra nem um pouquinho chegada, mas tenho uma senhora curiosidade em assistir TBBT e igual a Malu, o teu post é meu primeiro contato com esse livro. Mas ao contrário da minha prezada colega blogueira, biografias se tornaram minhas queridinhas desde que li "Oscarito - O riso e o siso", com certeza um dos livros mais lindos que li até hoje. Inclusive uma das minhas leituras mais recentes foi "Esse tal de Borghettinho", biografia do meu conterrâneo gaiteiro Renato Borghetti e já estou em outra biografia, "A Ira de Nasi", sobre o Marcos Valadão, um dos fundadores da banda de rock brasileira IRA. Sem contar a do Lupicínio Rodrigues, em formato mais fino e cheio de fotos. Ou seja, a chance de eu ler esse livro sobre esse físico é extremamente alta!
    Abraços e beijos, Lady Trotsky...
    http://osvampirosportenhos.blogspot.com

    ResponderExcluir

Postar um comentário

back to top